Produção de Leite é tema de encontro no Ministério da Agricultura

As questões relativas ao setor do Leite serão tema de um encontro no Ministério da Agricultura na próxima quinta-feira (17), às 14 horas. A ministra Tereza Cristina vai receber representantes de produtores de todo o país que sofrem com a crise agravada pelas importações. O encontro atende a um pedido de produtores que tem como principal preocupação o aumento da entrada de leite proveniente dos países do Mercosul.

Vice-presidente da Comissão de Agricultura da Câmara, o deputado federal Evair de Melo (PP-ES) convidou para a reunião o futuro secretário de Agricultura do Espírito Santo, deputado federal Paulo Foletto, e representantes da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB-ES). Segundo o parlamentar capixaba, a ocorrência de triangulação e da importação de produtos a um preço abaixo daquele que é praticado no Brasil causa um grande prejuízo aos produtores, que já sofrem com a baixa remuneração.

“Os nossos produtores estão passando por muitas dificuldades pois a nossa legislação inescrupulosa está escancarando as fronteiras do país para produtos de qualidade duvidosa e a custo muito baixo, prejudicando o ganho de famílias brasileiras que trabalham honestamente. O Uruguai, por exemplo, está exportando mais do que produz. Precisamos garantir produtos de qualidade aos brasileiros a preço justo, mas não às custas de quem produz”, reforça o deputado.

Evair é autor do Projeto de Lei 9.044/17, que acaba com a concorrência desleal com países que não possuem leis ambientais e trabalhistas tão rígidas quanto às brasileiras, limitando a importação do leite desses mercados, evitando também que doenças e pragas afetem a agricultura e consumidores. A proposta está no Senado Federal e aguarda apreciação.

Entre os convidados para a reunião estão o presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), Marcio Lopes Freitas; o presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Leite (Abraleite), Geraldo Borges; o diretor-executivo da Associação Brasileira de Laticínios (Viva Lácteos), Marcelo Costa Martins; o presidente da Associação Brasileira das Pequenas e Médias Cooperativas e Empresa de Laticínios (G100), Vasco Praça Filho; o presidente da Comissão Nacional de Pecuária de Leite da Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Rodrigo Sant’Anna Alvim; o diretor-geral da Embrapa Gado de Leite, Paulo do Carmo Martins; o presidente do Sindicato da Indústria de Laticínio do Rio Grande do Sul (SINDLAT), Alexandre Guerra, e o secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Eduardo Sampaio.

Siga, Curta e Compartilhe:
error