Maio Amarelo 2019: Espírito Santo sedia abertura nacional do movimento

Pela primeira vez, o Maio Amarelo, movimento que tem o objetivo de envolver as pessoas para a redução do número de acidentes em todo o mundo, será lançado em Vitória. A solenidade, realizada em parceria entre o Governo do Estado, por meio do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran|ES), e o Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV), aconteceu nesta quarta-feira (24), no Salão São Tiago, no Palácio Anchieta, na Capital, às 15 horas.

Na ocasião, o governador Renato Casagrande e o diretor geral do Detran|ES, Givaldo Vieira, apresentaram estatísticas relacionadas ao trânsito no Estado e a campanha institucional do Maio Amarelo, que será divulgada nos veículos de comunicação da Grande Vitória e do interior. Por sua vez, o presidente do ONSV José Aurélio Ramalho fez a apresentação da campanha nacional do Movimento, bem como dados do País.

O Maio Amarelo tem como objetivo alertar e mostrar a dimensão e o impacto que os acidentes têm no mundo e no Brasil. O tema deste ano, “No trânsito, o sentido é a vida”, foi definido em fevereiro pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e pretende estimular em toda a sociedade ações voltadas ao fortalecimento das medidas preventivas para maior segurança e, em consequência, para preservar a vida.

Para trabalhar o tema em um contexto local, o Detran|ES abordará a valorização da vida, mostrando, em suas ações, como a vida é frágil e as atitudes de todos devem ser pautadas por escolhas conscientes.

“O objetivo principal da nossa campanha é que todos possam compreender que, nas vias urbanas e rurais, as atitudes individuais refletem no coletivo. Quanto vale correr o risco de exceder a velocidade, de beber antes de dirigir, de usar o celular ao volante? Custa a vida. Por isso, é fundamental que essa reflexão seja disseminada, com a participação da sociedade, das escolas, faculdades, empresas, órgãos públicos, movimentos sociais, para que as pessoas não percam a vida ou fiquem com sequelas permanentes”, pontua Givaldo Vieira.

Década de Ação em Segurança no Trânsito xMaio Amarelo

Em março de 2010, a Assembleia-Geral das Nações Unidas editou uma resolução definindo o período de 2011 a 2020 como a “Década de Ações para Segurança no Trânsito”. O documento foi elaborado com base em um estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS), que contabilizou em 2009, cerca de 1,3 milhão de mortes por acidente em 178 países.

No Brasil, desde 2014, um Movimento luta pela preservação e redução de acidentes. Esse Movimento chama-se “Maio Amarelo”.

Por que Maio? 

Em 11 de maio de 2011, a Organização das Nações Unidas (ONU) decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito. Com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações que o mundo inteiro realiza.

Por que Amarelo? 

O amarelo simboliza atenção e também a sinalização de advertência no trânsito.  

Siga, Curta e Compartilhe:
error