Defesa Civil estadual faz reunião para apresentar plano de atuação em desastres

Foto: Divulgação.

A Defesa Civil Estadual realizou uma reunião com representantes de órgãos públicos e privados para apresentar o Plano Estadual de Proteção e Defesa Civil (PEPDEC). A reunião foi realizada no auditório do Quartel do Comando-Geral (QCG) do Corpo de Bombeiros Militar, na tarde da última quinta-feira (15). 

A finalidade do plano de ação, que também é coordenado pela Secretaria de Estado da Casa Militar, é fortalecer a articulação entre as secretarias estaduais, instituições privadas e de voluntários através de atribuições de responsabilidade, com objetivo de melhor atuar em momento de desastres e assistir com maior agilidade e eficiência a população capixaba.

Segundo o coordenador da Defesa Civil Estadual, coronel André Có, o objetivo foi reunir os representantes dos diversos setores envolvidos no plano para apresentação dos tipos de desastres que mais ocorrem no Espírito Santo (enxurradas e estiagem são os mais comuns), além de mostrar um resumo de como a integração é realizada. A apresentação foi realizada pelo major Pimenta, chefe do Departamento de Resposta do órgão.

“É muito importante a participação maciça dos pontos focais, já que os órgãos sofreram alterações em suas composições. Cada um se cientificar das suas atribuições é imprescindível para uma boa prestação de serviço”, ressaltou.

O secretário de Estado da Casa Militar, coronel Jocarly Aguiar, ressaltou a necessidade de se fazer sempre a prevenção e o planejamento de atuação em casos de crise.

“Estou muito feliz de fazer parte desse seleto grupo. Temos que fazer o planejamento para esse enfrentamento de desastres e a Casa Militar vai estar à disposição de todos, sempre respaldada pela Defesa Civil e Corpo de Bombeiros”, destacou.

Ainda de acordo com o coordenador da Defesa Civil no Estado, é muito importante que cada representante de instituição pense no PEPDEC de forma ampla, não somente sob o ponto de vista de atuação específica do órgão ao qual representa.

“Estamos nessa fase de início de governo e muita gente não conhecia o plano. Essa reunião foi para tomarem conhecimento e estamos preocupados com o tema. A Defesa Civil somos todos nós. O ideal é pensarmos em conjunto, e não cada um em sua caixinha”, concluiu o coronel André.

Siga, Curta e Compartilhe:
error