Você está aqui: Principal Entretenimento

Mostra de Vídeos Curtas Ambiental traz a importância da fauna silvestre

A VI Mostra de Vídeos Curtas Ambiental, que traz como tema “Animais silvestres: preservar é responsabilidade de todos", abrirá oficialmente a 28ª Feira do Verde de Guaçuí, no dia 5 de junho (terça-feira), às 18 horas, no Teatro Fernando Torres. A Feira deste ano traz várias atividades pedagógicas em sua programação, como a destruição de gaiolas e armadilhas, distribuição de mudas de árvores nativas da Mata Atlântica, palestras, limpeza simbólica do Rio Veado, concurso fotográfico e soltura de animais silvestres.

Os vídeos da Mostra são idealizados, produzidos e até têm a atuação dos alunos das escolas do município. E, segundo informações da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semmam), foram quase três meses de pré-produção, produção e finalização dos curtas.

A expectativa dos organizadores e de todos os envolvidos é muito positiva, por conta do tema escolhido e pela motivação dos envolvidos. Participam com vídeos as escolas municipais Deocleciano de Oliveira, Professora Elvira Bruzzi, Isaura Marques da Silva, José Antônio de Carvalho e Eugênio de Souza Paixão, além da Escola Estadual Antônio Carneiro Ribeiro e Centro Estadual de Ensino Médio em Tempo Integral Monsenhor Miguel de Sanctis – Escola Viva.

E conforme destaca a Semmam, quem não puder comparecer à abertura da Mostra não perderá a chance de prestigiar os trabalhos realizados pelas escolas. Os vídeos serão reapresentados nos dias 11, 12 e 13 de junho, das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas, também no Teatro Fernando Torres. As sessões serão abertas ao público do município e região.

Os Curtas vencedores serão anunciados e premiados no dia 5, na abertura oficial da Feira do Verde, nas categorias melhor roteiro, fotografia, edição, alinhamento ao tema proposto e texto original. Haverá ainda prêmio de indicação especial do júri e prêmio melhor curta júri técnico. Outras informações podem ser conseguidas na sede da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, no prédio do antigo Colégio São Geraldo, na Praça da Igreja Matriz ou pelo telefone (28)3553-2462.

Tema

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente ainda ressalta que, de forma inédita, a escolha do tema desta edição da Feira foi aberta ao público, sendo escolhido “Animais silvestres: preservar é responsabilidade de todos”. E destaca que, segundo levantamentos feitos pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama), confirmados pela Organização das Nações Unidas (ONU), o tráfico de animais silvestres é o terceiro maior do mundo, perdendo apenas para o contrabando de drogas e armas, além de ser um dos mais lucrativos comércios ilegais, movimentando quase 20 bilhões de dólares.

Segundo a Rede Nacional de Combate ao Tráfico de Animais Silvestres, no Brasil, são retirados de seus habitats naturais, anualmente, 38 milhões de animais. Depois de retirados do meio em que vivem, a taxa de mortalidade, logo em seguida, chega a 90% dos animais.

Os sete curtas-metragens 

A Escola Municipal Deocleciano de Oliveira apresenta o filme “Canal Verde”, onde dois amigos da escola, Maria e Daniel, descobrem um baú do tempo. Para entender melhor o meio ambiente, eles resolvem trazer de volta personalidades do passado, para entrevistá-las em um canal de vídeo pela internet.

A Escola Municipal Eugênio de Souza Paixão conta a história de uma menina solitária que fez de um pássaro o seu melhor amigo. O pássaro traz, para ela, várias histórias de aventuras que já viveu. Mas, ao tomar uma decisão, ela descobre o verdadeiro segredo do pássaro. O título do Curtas é “A menina e o pássaro encantado”.

Já a Escola Municipal Professora Elvira Bruzzi, do distrito de São Pedro de Rates, traz a história de uma equipe de amigos que gosta de desvendar mistérios e vão se envolver em um caso de sumiço de macacos de um santuário. Eles contam também com a ajuda de uma estabanada fadinha, Giovana, para resolver esta situação, em “O mistério do santuário”.

“As aventuras de Lépe” foi o título escolhido pela Escola Municipal Isaura Marques da Silva (Caic), para mostrar a imaginação de uma aluna que ajuda a explicar com detalhes como acontece a transmissão da febre amarela, ressaltando a importância de proteger os macacos que são tão vítimas da febre como nós humanos.

O vídeo “Zagaia”, da Escola Municipal Jose Antônio de Carvalho, do distrito de São Tiago, foca em uma sobrinha que adora ouvir histórias de sua tia, relembrando a época do seu avô que caçava onças, apenas carregando, com ele, uma zagaia.

O Centro Estadual de Ensino Fundamental e Médio em Tempo Integral Monsenhor Miguel de SanctisEscola Viva, com o filme “Na pele”, traz a história de um empresário que, para alcançar seus objetivos, passa por cima de tudo e de todos, principalmente dos animais silvestres, para fazer sua fortuna. No entanto, uma lição de vida está por vir, quando uma caixa misteriosa revela um segredo que ele jamais imaginaria.

Finalmente, a Escola Estadual Antônio Carneiro Ribeiro vai mostrar o vídeo “Um sonho de liberdade”, onde famílias, com todo o seu amor e diferenças, vão viver uma verdadeira lição de vida: proteger os animais silvestres e conquistar o que deseja com dinheiro honesto, para continuar vivendo em harmonia.

Da Redação

Foto: Divulgação (Semmam)

 

  • Escrito por Jornalismo 90.5 FM
  • Acessos: 17

90.5 FMRádio 90.5 FM.

Sua melhor companhia. Entretenimento e informação garantidos 24 horas por dia.
Anuncie com a gente!
A maior audiência no sul do estado.

ENDEREÇO

Av Espírito Santo, 331 - Centro Guaçuí - ES - CEP: 29560-000 (28) 3553-1619 - Fax: (28) 3553-0308